quarta-feira, Março 16, 2011

janela do mar

photomap

o mar despede-se à janela!

terça-feira, Outubro 07, 2008

ESTE BLOG

está temporariamente desactivo..

Encontramo-nos por ai...

terça-feira, Setembro 23, 2008

Sintra, Xentra ou Cynthia (2)

Já faz bastante tempo que não dava à costa!
Mas por boas causas...

Venho hoje cá, porque recebi um comentário que gostava de esclarecer.
O post comentado data de Junho 09, 2005, notem bem, 2005!! Aqui o transcrevo:

Sintra, Xentra ou Cynthia
Anda por aí a dar na tv um anuncio que diz para as pessoas descobrirem a chuva, a relva e tudo mais... Que rídiculo! Pelo menos para mim!
É o que eu chamo de 'anuncio para os meninos da cidade'.

É por estas e por outras que eu estou convencida que as pessoas de Sintra são mais iluminadas que, por exemplo, as de Lisboa.
Outras pessoas de outras vilas terão a mesma opinão sobre a sua terra, mas deixem-me puxar a brasa à minha sardinha.

Sintra, é tudo o que se fala dela e muito mais! Para mim que nasci cá, é um ventre materno do qual não quero sair.. Esta Serra tem uma energia que me prende cá, hipnotiza...
Fico fula quando vêm para cá pessoas de fora usar esta energia para satanismos e cultos do género.

A Serra tem uma carga negativa já bastante grande, não precisa de acumular mais e ainda por cima de pessoas que não têm nenhuma ligação com esta Deusa!

Todos conseguem admirar a sua beleza, mas poucos conseguem realmente senti-la!...

E o comentário:
Anónimo disse...
"pessoas que não têm nenhuma ligação com esta Deusa!"


"Todos conseguem admirar a sua beleza, mas poucos conseguem realmente senti-la!..."

E tu tem ligação com a deusa...tem te disse ?
Sintra não pertence a quem lá nasceu mas sim aos que compreendem o que lá está e esses nasceram em qualquer lugar na hora e dia certo, não me parece que sejas um deles se fosses não querias Sintra só para ti..
ELA È DEMASIADO GRANDE.
Cresce!

Pois...
Parece-me que o sr ou sra anónimo, não percebeu o que eu quis dizer!
Mas respondendo à sua pergunta:
Sim, eu tenho ligação à Deusa. "Tem me disse?" (aqui deveria querer dizer, quem me disse, acho) Quem me diz é o coração, que fica apertadinho quando vejo fumo na Serra, quando sei de atrocidades contra Ela, quando meninos de fora vêm usar a sua energia para coisas más!
Para si pode ser pouco, mas também não o/a conheço de lado nenhum para me importar com isso!

Não, Sintra não pertence a ninguém, nem aos que nasceram cá, nem aos outros, nem mesmo aos 'proprietários' de terrenos em Sintra. Nem tão pouco digo isso no post, não sei onde foi buscar isso! Quanto muito, os "que compreendem o que lá está" é que pertencem a Ela... Ela pertence ao Grande Cosmos, à geometria universal, pertence à Terra, ou não pertence a nada e somente faz parte do Todo!

Diz que não devo der um dos "que compreendem o que lá está", pois bem, é a sua opinião... como já referi, não me importo com ela! Não sei se compreendo o que lá está, nem sei se devo compreender! Sei apenas que Ela É, FOI e sempre SERÁ Sintra, Deusa, Terra Mãe, Gaia..o que lhe quiser chamar. Sinto-A como, motor da minha existência, protectora, Mãe, abrigo... não sei se sabe o que é isso!

Outra vez, não percebo onde digo que a quero só para mim... Nunca disse isso na vida, nem tão pouco o senti!

E sim, concordo que ela é Grande! Demasiado não acho, é bem maior do que aquilo que se vê no entanto!

Quanto a crescer...cresci bastante desde 2005, e quando li o post outra vez, mantenho a mesma opinião, mas talvez escreveria de outra maneira a mensagem!

Não sei quem você é, mas deve ser um/a dos/das "que compreendem o que lá está"...
Um ser Iluminado assim deveria identificar-se sempre!!
Boa Sorte para a Vida, e que a Deusa o/a proteja sempre!!

Grande bem haja a todos!!!

sexta-feira, Julho 18, 2008

Brevemente...

“Não há maior comédia que a minha vida; e quando quero ou chorar ou rir, admirar-me ou dar graças a Deus ou zombar do mundo, não tenho mais que olhar para mim.”
Padre António Vieira
1658 ---2008



Viera - O Céu na Terra
Ruínas do Carmo
18 Jul 16 Ago
3ª a Sáb 22h00


: FICHA ARTÍSTICA
texto de Miguel Real e Filomena Oliveira
encenação Filomena Oliveira
espaço cénico e imagem Andrzej Kowalski
desenho de luz Orlando Worm
figurinos Esmeralda Bisnoca
música e orgânica sonora David Martins
com
António Banha, Bruno Schiappa, Carmen Santos
Cláudia Faria, Félix Fontoura, João Brás, João Lagarto,
José Henrique Neto, Júlio Martin, Marques D’Arede,
Maurício Vitorio
e Flávio Tomé, João Mais, Paula Coelho, Paulo Campos
dos Reis




produção TNDM II






“PADRE ANTÓNIO VIEIRA FOI O PORTUGUÊS MAIS FRACASSADO DE TODOS OS TEMPOS.

NADA DO QUE SONHOU SE CUMPRIU, TODAS AS SUAS PROFECIAS SE FRUSTRARAM"

- Miguel Real-








Info retirada daqui

imagem não oficial by AnaF

quarta-feira, Julho 02, 2008

Atenção Foliões!!!!

+ info clicar na imagem

Espectáculo nos
Jardins da Quinta da Regaleira
pelo Teatro Tapafuros.

De 3 de Julho a 14 de Setembro
5ª a Sábado: 22h Domingos 20h

Uma encenação de Rui Mário,
a partir de texto de Paulo Borges.

Para mais informações:919 053 476

domingo, Junho 29, 2008

Memorial do Convento

Hoje é o último espectáculo da 2ª temporada do Memorial do Convento.
Depois de quase 500 sessões, depois de mais de 20 000 pessoas, depois de muitas faltas, confusões, mal-entendidos, enganos, falhas na mesa de luz, entradas erradas... enfim, depois de muito tempo juntos, a equipa do Memorial vai de férias... mas não totalmente.

O Memorial permitiu muitas experiencias boas, permitiu gravar na memória um texto lindissimo, o único texto de lingua portuguesa a ser premiado com um Nóbel.

Promoveu o nascimento de uma equipa que reúne uma mescla de identidades bem diferentes e que tão bem encaixaram umas nas outras, apesar das picardias de quem trabalha tanto tempo junto. Daqui nasceu a Éter-produção cultural.

Ajudou-me a criar uma personagem, que a cada espectáculo cresce mais um bocadinho, evitando a saturação de repetir sempre as mesmas palavras, transformando-as num veículo para descobrir mil e uma maneiras de dizer a mesma coisa.

Modéstia à parte, Bravo à equipa do Memorial!

Voltemos sempre à carga, com novos e bons projectos!

sexta-feira, Junho 20, 2008

Estranha Pessoa-Peixe

Há pessoas que já morreram e ninguém lhes disse!
Pessoas em cujas bocas habita a poesia e o mistério,
pessoas que cativam os outros, mas que já estão podres demais para criar laços...

A essas pessoas eu digo, morram de vez, ou ressuscitem.
Porque se quiserem podem voltar à vida, basta dar o primeiro passo no abismo...
Amar outra vez!

quinta-feira, Junho 19, 2008

Adeus...

Fizemos isto há tantos anos!!

Eramos uns jovens!!

Já muita gente ouviu isto, agora todos podem ouvir!